Fala Patti: 5 vezes que eu paguei a língua


Eeeei gente!
Tudo certinho?

Nunca diga 'desta água não beberei'. Não sei vocês, mas toda vez que eu falo algo do tipo dá cinco minutos e eu vou lá e beberei. Hunf!
Hoje o post é sobre cinco das um milhão de vezes que eu paguei a língua:

Música Eletrônica

Quando eu era solteira e estava na 'vida bandida', ia pra balada sempre. Na realidade, eu topava qualquer rolê - e os que incluíam música eletrônica eu até ia, mas confesso que ia emburrada. Sério, eu não entendia qual era a graça de ficar dançando uma porrada de música que pareciam iguais, todas. E eu não economizava na crítica com o ritmo, mesmo com o noivo que adora música eletrônica.

Até que...

No ano passado me diverti muito com o show do Jack Ü no Lollapalooza e o ápice foi o presente de aniversário do noivo: ir no show do David Guetta. Como vocês podem ver pela foto abaixo eu pouco me diverti - e o Guetta e muitos outros viraram minha trilha sonora oficial da faxina (que é quando eu coloco uma música alta e danço até cansar, me julguem).



Anitta

Peraí: em minha defesa, quem diria que a Anitta iria se tornar a rainha que é hoje lá no tempo do Show das Poderosas? Particularmente,  peguei um certo ranço por essa música e sempre julguei a Anitta. Detestava e pronto.

Até que...

Minha gente, é tiro atrás de tiro! Temos que reconhecer que a Anitta tem sim muito talento - senão não estaria fazendo o sucesso que está, né? Go Anira!! 


Filmes de heróis

Tenho um problema com filmes de heróis desde que paguei para ir assistir O Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado (!) no cinema e achei o filme uma bela bosta. De lá pra cá, nunca mais assisti nenhum (nenhum mesmo) filme de herói, mesmo se o filme fizer um mega sucesso.

Até que...

Numa noite de sábado topei assitir a Logan com o noivo e nossa! Fiquei surpresa do quanto o filme me prendeu, mesmo não assistindo nunca a nada do X-Men (o Léo ia me explicando o que eu não entendia por nunca ter assistido aos filmes anteriores! haha). Enfim, Hugh Jackman me fez pagar a língua. Valeu, Hugh!!



#TeamInverno

Nem tem muito o que explicar: eu ficava resmungona no verão e amava o frio!

Até que...

Existe uma vida muito mais disposta e divertida no verão, pelo menos pra mim. E melhorou, depois que descobri looks fresquinhos que me deixam mais bonitinha do que os quilos de moletom que eu uso no inverno. Sério!



Protetoras dos animais?

Existe uma Patti no passado que tinha um pensamento muito deturpado em relação a pessoas que lutam a favor da proteção animal. Luisa Mell então, eu achava uma chata de galocha. Chorar por um animal abandonado? Criticar zoológicos? Eu achava isso tudo um absurdo!

Até que...

Tem uns dois anos (ou menos) que parei pra analisar o que dizem essas ONGs e tudo ficou mais claro quando fui adotar o Amigão. Quando eu era criança um dos meus rolês preferidos era ir ao zoológico e hoje rezo para que não exista um para ir quando eu tiver um filho. Ainda bem que essa língua eu paguei e pude evoluir!


E não me deixa sozinha nessa: me conta uma coisinha que você pagou a língua também?
Quem nunca, né mores?

Um beijão e até mais! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar sem utilizar um login do Google basta usar a opção Nome/URL.
;)