Inferno (Filme) | Sinopse e Críticas


10 anos depois do lançamento do primeiro filme, "O Código da Vinci" e 7 anos do segundo, "Anjos e Demônios", em Outubro, tivemos a estréia do 3º filme com base nas obras do escritor Dan Brown: "Inferno"

No último final de semana, eu pude assistir o filme e vim contar um pouco sobre ele. Mas calma! Nada de spoilers ;) 


O professor Robert Langdon (Tom Hanks, protagonista de todos os filmes da série) acorda num hospital em Florença, Itália, desnorteado e tendo alucinações. Sem lembrar do que aconteceu nas últimas 48 horas, devido a um incidente, sofre um ataque por uma mulher misteriosa e foge do hospital com a ajuda, da então médica, Sienna Brooks (Felicity Jones).

Na casa dela, ele começa a pensar no que aconteceu e encontra um frasco lacrado em seu paletó. A partir daí, dá-se início aos enigmas com base no universo de Dante Alighieri e Langdon começa a busca para entender o que aconteceu e o motivo de ele ser perseguido.

Desde o primeiro filme, o que me chamou a atenção foi o roteiro com enigmas envolvendo fatos e polêmicas da História Mundial.

A intenção desse filme não é diferente, mas sinceramente, esperava muito mais do roteiro e principalmente, do desfecho.

Se você não assistiu nenhum dos filmes, sugiro que assista desde o início e note a diferença entre eles.



Apesar da expectativa sobre "Inferno", eu o achei bom por criar um certo suspense sobre algumas coisas e incentivar a curiosidade sobre alguns fatos, mas acho que esse 3º filme foi bem menos envolvente do que "O Código da Vinci", com relação aos enigmas e História em si e menos chocante e polêmico que "Anjos e Demônios".

Você já assistiu?! Você concorda com o que eu disse? Se não, compartilha aqui com a gente a sua opinião! É sempre muito bom ouvir o outro lado também =)

Beijos e até a próxima!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar sem utilizar um login do Google basta usar a opção Nome/URL.
;)