#PallomaVaiSecar: mas não nas festas


Olá, minhas queridas! Como estão vocês? Ainda mais lindas?

O meu post de hoje é para contar que toda a estratégia que eu bolei para encarar a temporada de gordices do final de ano furou. Não tinha artilharia suficiente para resistir a tanta comida gostosa, não tenho maturidade para lidar com uma mesa de doces e não devia ter declarado guerra... =(

Apesar de ter me preparado para driblar as ceias, não estavam nos meus planos os incontáveis petiscos. Vocês também passaram esses dias beliscando? Gente, sério, eu acho que das 16 horas que eu passava acordada por dia, eu comi em 14 horas. Eu me preparei pra resistir a um pernil gigante que ia parecer na mesa uma vez, não para me defender de pedacinhos inofensivos de queijo coalho ou de pão de alho 6 vezes por dia. Nota mental: da próxima vez, me preparar para todo tipo de ataque das gordices. 

Outra cagada: fazer a ceia na minha casa. Foi um prazer gigante receber a minha família para o Natal, mas sobrou comida e sobremesa. Onde essas coisas todas ficaram armazenadas? Advinham? Na minha geladeira, obviamente! Por mais que a gente tenha esticado a ceia até o dia 26 para dar conta de tudo que a gente comprou (sim, na minha família o pessoal não conhece a palavra moderação! rs), sobrou muita coisa. Eu, que estava toda orgulhosa de ter comido o primeiro panetone só no dia 23, não sosseguei enquanto não acabei com o chocotone recheado com ganache. E com a farofa misturada com bacon. E com o chocotone tradicional. E com o leite ninho que usei na sobremesa. Nota mental: da próxima vez, me preparar para não atacar as gordices.

O que posso contar para vocês é que nem tudo são espinhos. Entre uma orgia alimentar e outra, fui ao shopping e entrei em um vestido 42 da Le Lis Blanc. É uma grife de gente magra, dessas que contrata super modelos como Kendall Jenner para estrelar coleções. Eu nem queria experimentar baseada naquele pensamento do "isso não é para mim, é coisa de magro", mas fui super incentivada pela minha madrinha. Ela me disse "acho que você está se enxergando maior do que realmente está". A grande verdade é que tudo que a nossa cabeça imagina para gente é nosso! Ah, e antes que vocês queiram imagens do tal vestido, informo que não o comprei por motivos de ser caro demais. 

Por sorte, a temporada de festas acabou e Já voltei para as minhas sementes, o chá de hibiscus e o arroz integral no almoço. E juro por Deus que nada poderia ter me deixado mais tranquila em um começo de ano. Saber que estou fazendo a coisa certa pela minha saúde me dá uma paz gigante, a certeza de que tudo vai dar certo e que se eu consigo controlar a minha boca, consigo fazer qualquer coisa. 

Semana que vem eu volto. E, até lá, e me acompanhem nos posts no Snap (palloma.mina) e no Instagram (@pallomamina). BjkS!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar sem utilizar um login do Google basta usar a opção Nome/URL.
;)