Com a Palavra: Porque Nem Todo Dia é Bom (e Tudo Bem!)


Você precisa de alguém para te ouvir e para conversar? Seja pessoalmente, por Whatsapp, Facebook, Skype, enfim...amo fazer isso e se deixar, converso por dias! Sinceridades...

Há alguns anos, eu também era praticamente um livro aberto para a minha mãe, primas e amigos mais próximos e por ocasiões da vida, eu decidi então 'fechar' este meu livro. Não guardo mais tanta coisa para mim, mas mesmo com o sentimento estampado no meu rosto, ainda é difícil realmente externalizar isso. O que, para algumas coisas, faz muito mal, eu sei.

Amo ouvir as pessoas e ajuda-las, falo o tempo todo sobre quão incrível é a troca de experiências, em ser positivo e ter foco nos objetivos...Mas ontem eu me questionei muito: O que eu estou fazendo? Aonde quero chegar? As pessoas estão tão determinadas em fazer as coisas, mas e eu? E eu??

E eu nem havia programado esse post para hoje, mas resolvi escrever depois que vi o vídeo da Niina Secrets sobre como 2015 para ela foi um ano difícil e o que ela tem feito para que 2016 seja um ano incrível. 

Acredito demais que tudo na nossa vida acontece por um motivo e o vídeo da Niina foi uma luz para o meu momento. Uma luz de que...

...dias não tão bons, como ontem para mim, podem acontecer e tudo bem! 
...eu posso questionar os meus objetivos e tudo bem!
...eu não preciso ser perfeita em nada do que eu faço e tudo bem! 
...chorar não é sinal de fraqueza. Que posso chorar a qualquer hora e tudo bem!
...as coisas não acontecem exatamente como planejamos e tudo bem!

Porque, se me permitem...

"...a cada manhã, as misericórdias se renovam..." (Lamentações 3:22-23)

Eu sempre reluto, sempre questiono e sempre volto ao mesmo pensamento nos meus momentos de maior angústia: eu tenho todo o direito de ficar triste, desanimada, colocar para fora e chorar tudo o que me aflige, mas todo dia é um novo dia. 

É um novo recomeço! 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar sem utilizar um login do Google basta usar a opção Nome/URL.
;)