Finanças: Planilha Pessoal - Parte 2


E finalmente, a 2ª parte do meu post sobre Planilha Pessoal! Vamos lá??


Neste post, eu mostrei duas formas para você organizar suas Finanças. 

1) Soma do Salário/Ganhos - Despesas = Saldo 
2) Uma planilha mais detalhada dos seus ganhos e gastos. 

Numa das minhas leituras sobre Finanças, aprendi uma outra forma e acho que, sinceramente, deveria ser usada por todos, pois visa garantir mesmo uma poupança para o nosso futuro. 

Eis o método:

Soma do Salário/Ganhos
(-) Poupança (ou qualquer outro tipo de investimento que te agrade e renda mais)
(-) Doação (opcional)
(-) Despesas

Sim, antes de deduzir qualquer despesa do seu salário, priorize a sua poupança e depois a doação (item opcional). Com o passar dos meses, você vai perceber como o percentual do que você quer guardar por mês vai aumentar e as suas despesas vão diminuir. 

Neste link, deixei disponível um modelo de planilha que você pode tomar como base. 

1) Preencha todas as despesas na aba "Detalhado" fazendo as devidas classificações
2) Na aba "Geral", as células em amarelo são editáveis, ou seja, você insere o valor de sua escolha. Dica: tente definir o valor inicial destinado à poupança como pelo menos 30% do seu salário/ganhos. 
3) Se sobrar algum valor no final desta conta, isso deve ser colocado na conta Poupança ou Investimento escolhido

Claro que é um desafio, leva um tempo para entrar no ritmo, mas dá muito certo. Pense que fazendo isso, você pode garantir uma vida mais tranquila no futuro. Você não vai se privar de fazer coisas que gosta, mas vai direcionar melhor seus gastos e seus objetivos. 


Se você não sabe nem por onde começar, eu sugiro que comece por este post que escrevi há alguns meses. É a primeira etapa e tenho certeza de que você não vai se arrepender de seguir um planejamento. 

Organizar as Finanças não é algo simples, mas seja paciente. Dá certo. Dá muito certo! ;) 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para comentar sem utilizar um login do Google basta usar a opção Nome/URL.
;)