#PallomaVaiSecar: a importância do endocrinologista


Já contei para vocês que assim que decidi procurar ajuda profissional para me ajudar no processo de emagrecimento, dei de cara com um endocrinologista despreparado e que me passou remédios controlados sem nem me pedir exames de sangue. Mas como depois de um dia ruim, sempre vem um dia maravilhoso, encontrei uma profissional maravilhosa!

A Dra. Verônica foi indicada pela ginecologista que me fez começar todo este processo. A consulta dela é cara (R$ 300), mas dá direito a um retorno e valeu a pena cada centavo. Podem dizer que é carência, mas só confio em médico que conversa. É impossível alguém saber o que um paciente tem só de olhar para a cara dele. Do meu peso e altura do nascimento, passando pelo engorda-emagrece relacionado à ansiedade e a minha depressão, ela quis saber detalhes do histórico do meu IMC. Mais que isso, quis saber se meus pais eram diabéticos e hipertensos, com quantos anos descobriram as patologias e como era o tratamento deles. Com todas essas informações, fomos para a pesagem, aferição de pressão e tirar as famigeradas medidas de altura, cintura e do braço. 

Na minha primeira consulta, já estava fazendo a dieta criada pela nutricionista há algumas semanas e ali já percebi o resultado positivo. Tinha emagrecidoooooooooo! Ganhei uma estrelinha. Em seguida, com todas essas informações, ela confirmou que eu estava em obesidade e fez o cálculo de quantos quilos eu precisava perder para ter um peso saudável, bateu com o que a nutricionista tinha dito. Aí você me pergunta: mas você pagou R$ 300 para ouvir tudo  que já tinha ouvido da nutricionista? Sim e não.

Sim porque dá um alívio muito grande quando um profissional, sem saber, endossa o diagnóstico do outro. Eu já tive casos de erros médicos na família, você também deve ter tido, e ter uma segunda opinião quando  assunto é saúde, para mim, é fundamental. E não porque as competências são diferentes. Beeeeeeem diferentes!

A endocrinologista é uma médica que estuda o meu metabolismo, pode pedir exames para checar o seu funcionamento e me receitar remédios para controlar possíveis problemas. Isso vai de alergia a algum alimento a disfunção de tireoide e diabetes. Se eu tiver uma síndrome metabólica que aumente o meu colesterol independente da minha dieta estar regrada, por exemplo, vou precisar usar remédio para controlar este índice e quem vai poder receitá-lo é a endocrino.

Já a nutricionista, a partir dos exames solicitados pelo médico, vai checar como está o meu corpo e dizer quais alimentos podem contribuir para a melhora da minha saúde. É como um ortopedista e um fisioerapeuta, um psiquiatra e um psicólogo, a dermatologista e a esteticista. Um complementa o trabalho do outro. Fora que duas cabeças sempre vão pensar melhor que uma, né?

Ela me pediu uma batelada de exames de sangue para comparar com os que eu tinha feito três meses antes. Quando voltei, algumas semanas depois, descobri que todos os meus índices estavam melhores, exceto o colesterol, e minha circunferência abdominal tinha diminuído. A questão da cintura não se limita a vestidos acinturados, quem tem muita gordura abdominal tem o risco de doenças cardíacas e risco de infarto aumentado. Fiquei super feliz com este avanço.

A endocrino também pediu exames de imagem para checar a situação da tireiode e do fígado. Tireiode porque quando ela não fuciona bem provoca alterações de peso. E fígado porque quando estamos muito gordinhos ele acumula gordura, o que pode inflamar o órgão ou até evoluir para uma cirrose. Tá achando que só bebum tem cirrose? Sabe de nada, inocente!
Para minha alegria, a endocrino fez pós em nutrologia, olhou a minha dieta e não fez nenhuma alteração. Saí de lá  com a certeza de que eu estava no caminho certo e com a lição de casa de ir a academia pelo menos quatro vezes por semana. Vocês estão indo para a academia nessa frequência? Não? Nem eu AINDA. =(

No fim da consulta, disse para a médica que o mais difícil em relação à dieta eram os eventos sociais. Ela me respondeu uma coisa que nunca mais saiu da minha cabeça. "O que importa é você sempre fazer a melhor escolha dentre as opções. Você tem que escolher cuidar de você." Depois dessa a ideia do dia do lixo nunca mais passou pela minha cabeça, embora as derrapadas tenham acontecido.

Para o tema da próxima semana, estou em dúvida! Rs. Conto com o feedback de vocês, com comentários aqui no blog, mensagens no Face, Insta ou Snap para definir o tópico. Estou em dúvida entre escrever sobre o dia em que percebi que estava emagrecendo e as derrapadas na dieta, como lido com elas e as evito. Para compensar a falta de fotos hoje, prometo muitas imagens para o próximo post. Vocês vão me ajudar? Beijo e até semana que vem!


Instagram e Twitter: @pallomamina
Snapchat: palloma.mina

Quem cuidou de mim neste post:
Nutricionista Vanessa Criado - 2959-0587 / 2281-9155


4 comentários:

  1. Como percebeu que estava emagrecendo! Sem dúvida queremos saber mais sobre esse dia tão aguardado :)

    ResponderExcluir
  2. Oii...paloma venho passando pela mesma situação que a sua ,há uns dois anos..tenho lutado com a balança desde sempre e emagrecer é um jogo de paciência. ..tem que estar disposta a querer mudar...e essa mudança é de dentro pra fora.....eu já me aceitei...sou do tipo grandona e não estou nem aí para opiniões alheias...sou saudável e não tenho nenhum problema de saúde...mas fui em busca de ajuda..pois quero caber nas roupas...rsrs..e claro me sentir bem....estamos juntas nessa caminhada...e desde que me consultei com um profissional já perdi uns 10 quilos...ainda falta muito para chegar ao peso ideal...estou confiante...um tema legal para se debater seria....Como se manter saudável nos dias de hj...sem gastar uma fortuna...e como a mulher real..tipo eu e vc...Não famosas podem fazer para ser saudável e linda sem passar vontades..bj






    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marcela! Ótima sugestão de tema, eu já estava anotando os gastos que tenho com a dieta para escrever um post, não sai barato, né? Com a ajuda profissional fica mais fácil, eu acho. Quando a gente sabe que está no caminho certo, anda mais confiante. os vestido de reveillon mais justos que deus e mais curtos que a vida que nos aguardem! Continue mandando notícias e força na peruca, flor!

      Excluir

Para comentar sem utilizar um login do Google basta usar a opção Nome/URL.
;)